EZTEC na Mídia

SÃO PAULO - A Gradual Investimentos divulgou nesta quarta-feira (12) sua estratégia semanal para o mercado acionário, tendo como mudanças em relação à semana anterior a retirada dos papéis da BR Foods (BRFS3), redução do peso de Lojas Americanas (LAME4), de 10% para 5%, aumento de Petrobras (PETR4), de 15% para 20%, e inclusão da CCR (CCRO3).

Entre os destaques do cenário econômico desta semana, a Gradual cita as preocupações com a crise europeia, o início da temporada de balanços trimestrais nos EUA e a política monetária no Brasil, com expectativa de aumento da taxa básica de juros já na primeira reunião de 2011 do Copom (Comitê de Política Monetária).

Boas notícias para Petrobras

O aumento no peso da Petrobras na carteira recomendada para a semana entre 12 e 19 de janeiro foi justificado pelo "ciclo de notícias positivas acerca da companhia, como a antecipação dos projetos do pré-sal com afretamento de plataformas, novas descobertas e recordes de produção de petróleo no Brasil".

Sobre a inclusão da CCR no portfólio, a Gradual afirma que as perspectivas para a empresa são positivas, com forte presença em concessões de rodovias junto à diversificação dos seus negócios, com empreendimentos como por exemplo ViaQuatro (Metrô de São Paulo) e Sem Parar (sistema de pagamento de pedágios).

Incorporação da B2W prejudica Lojas Americanas

Por outro lado, a redução de peso da Lojas Americanas foi feita em função dos rumores de incorporação da B2W. Na avaliação da Gradual, caso esse processo seja efetivado, o ritmo de expansão da empresa poderá ser reduzido no curto prazo.

Já a exclusão da BR Foods foi feita em função do pequeno espaço de valorização do papel. Vale lembrar que na carteira anterior, o peso deste papel já havia sido reduzido por este mesmo motivo.

Desempenho

Nos últimos 7 dias a carteira recomendada semanal da Gradual teve desempenho superior ao Ibovespa, registrando valorização 2,15% ao passo que o índice apresentou ganhos de 0,15%. Por outro lado, no acumulado do ano, o portfólio da corretora tem uma alta de 1,51%, enquanto o índice subiu 1,61%..

Carteira recomendada:

Empresa Código Preço-alvo Upside* Peso na carteira
Petrobras PETR4 R$37,50 38,1% 20,0%
Vale VALE5 R$60,50 17,6% 10,0%
Lojas Americanas LAME4 R$20,00 27,8% 5,0%
Eternit ETER3 R$14,00 23,4% 10,0%
EZTEC EZTC3 R$18,00 24,9% 10,0%
Itaú Unibanco ITUB4 R$48,50 23,7% 10,0%
CCR CCRO3 R$53,00 11,6% 5,0%
Randon RAPT4 R$15,10 18,1% 10,0%
Fibria FIBR3 R$35,00 28,0% 10,0%
Metalúrgica Gerdau GOAU4 R$38,00 33,9% 5,0%
Cremer CREM3 R$23,00 30,4% 5,0%

*Potencial teórico de valorização com base no fechamento de 11/1/2011

FONTE: InfoMoney - 12.janeiro.2011