EZTEC na Mídia

Entrevista de A. Emílio C. Fugazza para o Estadão

No dia 13 de dezembro de 2012, o Estadão recebeu para uma entrevista exclusiva no estúdio, o Diretor Financeiro e de Relações com Investidores da EZTEC, A. Emílio C. Fugazza, para falar sobre a alta do preço de imóveis em São Paulo.



Leia a matéria na íntegra abaixo:

EZTEC soma R$ 500 Milhões de VGV em projetos já aprovados

São Paulo, 13/12/2012 - A Eztec já tem aprovação para lançar nos próximos meses quatro projetos, cujo valor geral de vendas (VGV) totaliza R$ 500 milhões. Segundo o Diretor Financeiro e de Relações com Investidores da incorporadora, Emílio Fugazza, esses projetos estão situados na cidade de São Paulo, nas regiões do Paraíso, Aclimação, Sacomã e Domingos de Morais, mas ainda não foi definido quando os lançamentos serão realizados. "Estamos com R$ 500 milhões em projetos aprovados e vamos lançar assim que entendermos que é viável do ponto de vista comercial", afirmou em entrevista ao vivo na AE Broadcast.

O executivo lembrou que a velocidade das vendas de imóveis neste ano está abaixo do verificada no ano passado. "A velocidade das vendas não é a mesma, seja porque o consumidor entende que os preços aumentaram muito, ou porque a economia não está respondendo", disse. Diante desse cenário, a companhia está mais focada na venda das unidades já lançadas ao invés de oferecer novos empreendimentos para o mercado. "Estamos focados no quarto trimestre em atingir um bom volume de vendas e fechar o ano de maneira tranquila. Não faz sentido lançar para criar estoque".

Fugazza mencionou que, neste ano, a incorporadora já lançou R$ 1,1 bilhão, volume que corresponde a 84,5% do ponto médio do guidance (projeção) para 2012, que vai de R$ 1,2 bilhão a R$ 1,4 bilhão. O executivo acredita que o guidance de lançamentos para 2013 deve ser anunciado no primeiro trimestre e que ainda não está claro qual será o tamanho das operações no próximo ano. "Do lado da companhia, estamos preparados para manter o nível ou aumentar", afirmou.

A Eztec possui cerca de R$ 900 milhões de projetos em fase de aprovação. "O guidance de lançamentos (para 2013) fica mais pra frente. Temos terrenos, projetos e capacidade de execução para fazer o que o conselho de administração decidir".(Circe Bonatelli - circe.bonatelli@estadao.com)